Automação

Uma reportagem do jornal Folha de São Paulo, na edição de 21 de janeiro de 2018, trouxe a seguinte manchete: “Automação vai mudar a carreira de 16 milhões de brasileiros até 2030”. A matéria destaca o Fórum Econômico Mundial, realizado em janeiro deste ano, em Davos, na Suíça. Entre os anos de 2015 a 2020, se prevê, no mundo, uma queda de 7,1 milhões de empregos, relacionados às funções administrativas e industriais. Considerando-se somente o Brasil, esses números são ainda mais alarmantes: entre 15,7 milhões, até o ano de 2030. O Governo Federal, por exemplo, anunciou o corte de 60 mil cargos públicos, referentes às funções de datilógrafo e digitador (Folha de São Paulo, 2018).

A Organização Internacional do Trabalho (OIT) aponta o crescimento e o uso de robôs nas produções, com crescimento em torno de 9% ao ano, em média, desde 2010. “No Brasil, cerca de 11.900 robôs industriais serão comercializados entre 2015 e 2020, segundo a Federação Internacional de Robótica” (Folha de São Paulo, 2018).

 

Na área de comunicação, já é possível sentir o impacto da automação no mercado de trabalho. O rádio está sofrendo uma grande mutação digital, desde programadores, operadores da área técnica, arquivistas, repórteres e até locutores. Esses profissionais vêm perdendo, cada vez mais, espaço para a informatização de operações, que consiste na substituição de trabalhadores experientes por  softwareshardwares .

 

A Paradiso, importante emissora carioca de rádio, no segmento adulto contemporâneo, demitiu 39 funcionários, dos 42 que compunham a equipe de profissionais. Após a redução de pessoal, a solução foi disponibilizar aos ouvintes playlists informatizados na programação da rádio, enquanto os locutores saiam de cena dos horários nobres. Assim, a Paradiso começou a implementar a rádio automatizada, em que predominam faixas de músicas montadas no computador (KISCHINHEVSKY, 2018, p. 2).

 

AUTORES

ALCILAINE DE MACEDO ALENCAR
CRISTIANO TEIXEIRA DE SOUSA
TARCILA SANTOS GARCIA

 

REFERÊNCIAS

 

FOLHA DE SÃO PAULO. “Automação vai mudar a carreira de 16 milhões de brasileiros até 2030”. Disponível em <

https://www1.folha.uol.com.br/mercado/2018/01/1951904-16-milhoes-de-brasileiros-

sofrerao-com-automacao-na-proxima-decada.shtml

Acessado em 14 de jun 2018 >

 

KISCHINHEVSKY, Marcelo. Amigo ouvinte, o locutor perdeu o emprego: Considerações sobre o processo de automação nas rádios FM do Rio de Janeiro. Disponível em <  https://seer.ufs.br/index.php/eptic/article/viewFile/205/176 Acessado em 14 de jun 2018 >

 

 

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *